Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

09/06/2014 - 17:18 - Atualizado em 13/06/2014 - 10:57
Audiência pública debate criação da Pró-reitoria de Assistência Estudantil
Apresentação de projeto será nesta quarta-feira (11/06)
por Autor: 
Diélen Borges

A Diretoria de Assuntos Estudantis (Dires), vinculada à Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis (Proex), apresentará à comunidade acadêmica o projeto que prevê a transformação da Dires em Pró-reitoria de Assistência Estudantil. A audiência pública será nesta quarta-feira (11/06), às 19h, no anfiteatro do Bloco 5S do Campus Santa Mônica.

“Nós ficamos um ano e meio dialogando com a comunidade, fizemos reuniões com o movimento estudantil, o Diretório Central dos Estudantes (DCE) e coletivos e abrimos diálogo com vários setores da universidade para nós pensarmos a política de assistência estudantil”, afirma o diretor de assuntos estudantis Leonardo Barbosa e Silva. O professor relata que foi feito um levantamento sobre como outras universidades têm lidado com as políticas de assistência e observou-se que muitas delas já criaram suas pró-reitorias.

As políticas de democratização do acesso ao ensino superior implantadas na UFU, como a Lei de Cotas, têm aumentado as demandas da Dires (este é o tema do próximo UFU no Plural). “A assistência estudantil hoje tem uma dimensão, um volume de recursos e um número de serviços que não cabem em nenhuma pró-reitoria. Dialoga com ensino, pesquisa, extensão, mobilidade internacional, acessibilidade, política de combate ao racismo, questões que envolvem desigualdades sociais, atendimento psicológico e pedagógico”, explica Silva. 

Após a realização da audiência pública, em que serão colhidas as questões, críticas e sugestões da comunidade acadêmica, a Dires terá 20 dias para concluir o projeto e encaminhá-lo ao reitor Elmiro Santos Resende, para que o documento seja pautado no Conselho Universitário (Consun). Havendo a aprovação do conselho, a universidade tem autonomia para criar a nova pró-reitoria.

A princípio, a possível transformação da diretoria em pró-reitoria implica mudança de nome e de status, mantendo-se a mesma estrutura e os recursos humanos da Dires. O pró-reitor será indicado pelo reitor. Em um segundo momento, de acordo com Silva, o projeto será encaminhado ao Ministério da Educação (MEC) com a solicitação de aumento desses recursos.

A verba destinada à assistência estudantil na UFU não será alterada automaticamente, mas o professor acredita que a situação deva melhorar a partir da criação da pró-reitoria. “Nós acabamos tendo mais espaço para brigar. Não é automático, porque os recursos da assistência derivam de uma matriz orçamentária. É uma equação que, dependendo de algumas variáveis, fazem os recursos aumentarem ou diminuírem. E a gente quer mudar essa equação, essas variáveis, que não são sensíveis às mudanças no perfil dos discentes”, completa. 

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2020. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal