Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

02/05/2015 - 11:28 - Atualizado em 05/05/2015 - 13:21
UFU discute políticas sobre drogas em seminário
Entre as ações está a criação de um Centro Regional de Referência
por Autor: 
Diélen Borges
Por: 
Júnior Barbosa (estagiário de graduação)

Foto: Milton Santos

Foi realizado, na noite da última quarta-feira (29/04), o Circuito de Diálogos: Pensando a política de drogas na UFU - Reflexões sobre as drogas por uma perspectiva não proibicionista, não conservadora e não mitificadora. O evento foi promovido pela Comissão de Álcool e Outras Drogas (CAD/UFU) da universidade e teve como palestrantes Helena Fonseca Rodrigues, da Secretaria Nacional de Política sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça, e Domiciano José Siqueira, da Associação Brasileira de Redução de Danos. O debate, que encheu os auditórios A e B do bloco 5R no Campus Santa Mônica, contou com a presença de membros da comunidade universitária e externa. Ainda estiveram presentes o reitor da UFU, professor Elmiro Santos Resende; o vice-reitor, professor Eduardo Nunes Guimarães; e a pró-reitora de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis, professora Dalva Maria de Oliveira.

A iniciativa surgiu após a instituição passar por problemas em relação à segurança, vinculados ao consumo e à venda de drogas dentro de seus campi, e à realização de festas com consumo de álcool pelos estudantes na universidade. “Acho que a UFU tomou a decisão mais acertada. Ao invés de reagir de imediato, com o primeiro mecanismo que vier a mão, que é o repressor, a universidade resolveu fazer o que ela sabe fazer, que é refletir sobre o problema, colocar o problema sob o olhar da crítica, da ciência, abrir à comunidade para que ela participe desse momento e nos auxilie a formular uma política de drogas”, considera Leonardo Barbosa e Silva, diretor de Assuntos Estudantis e Presidente da CAD/UFU. A ideia é promover cinco eventos para discutir o assunto.

Além do Circuito de Diálogos, a comissão realizou três diagnósticos sobre o perfil das políticas sobre drogas já implantadas. O primeiro trata sobre o mapa de vivências para verificar as relações estabelecidas entre as pessoas que frequentam os espaços utilizados para o uso de drogas. Também foi realizado um levantamento das instituições e políticas que são utilizadas em Uberlândia para lidar com o assunto. Por fim, foram levantadas as experiências com a mesma questão em outras universidades do país. Todos os dados recolhidos por meio dos diagnósticos serão compilados em um relatório que será publicado pela CAD/UFU.

Outra ação desenvolvida foi a criação de um Centro Regional de Referência (CRR), que será um ambiente de desenvolvimento de profissionais especializados para abordarem a temática das drogas. O centro deverá constituir um espaço para o diagnóstico interdisciplinar de demandas formativas, de conversas e socialização de conhecimentos, interligando o tripé de ensino, pesquisa e extensão e o campo das políticas sobre drogas, desenvolvendo cursos, seminário e pesquisas. De acordo com o professor Leonardo Barbosa, a inauguração do CRR deve acontecer em maio, no próximo Circuito de Diálogos.

A representante da Senad, Helena Fonseca Rodrigues, destacou em sua fala as políticas nacionais e internacionais de enfrentamento à questão das drogas e a importância de enxergar os indivíduos de acordo com o seu contexto social e não só como usuário de drogas. “Entendemos que às vezes a prevenção é não evitar o primeiro uso, mas sim fazer a prevenção à estigmatização, à marginalização dessas pessoas, que estão por algum motivo fazendo uso de substâncias e estão em situação de vulnerabilidade. Entendemos que o Centro Regional de Referência também faz prevenção”, diz.

Confira fotos do evento em UFU em Imagens.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2020. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal