Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

20/01/2016 - 14:16 - Atualizado em 26/01/2016 - 13:36
Doutorando da UFU é finalista no ‘Nobel da Educação’
Trabalho do educador incentiva a iniciação científica
por Autor: 
Marco Cavalcanti

Márcio Batista é o único brasileiro finalista Global Teacher Prize.

O professor Márcio de Andrade Batista, doutorando em Engenharia Mecânica da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), é um dos 50 finalistas do Global Teacher Prize, criado pela Varkey Foundation e considerado o “Prêmio Nobel da Educação”.

O prêmio destaca a importância da profissão de educador e julga os concorrentes a partir de vários critérios, como o emprego de técnicas pedagógicas inovadoras. O vencedor será agraciado com o prêmio de U$ 1 milhão, em março deste ano, em Dubai.

Em seu trabalho, voluntário, ele estimula a iniciação científica entre alunos do Ensino Médio em Mato Grosso, priorizando alunas de famílias pobres. Professor da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Márcio Batista foi o único brasileiro finalista. Embora aberto a todas as nações, apenas 29 estão representadas entre os 50 escolhidos.

Márcio Batista é graduado em Engenharia Química pela Universidade de São Paulo (USP). Defendeu seu mestrado em Engenharia Química pela UFU (2005). Possui MBA em Finanças e Estratégias Empresariais também pela UFU (2006). É ganhador do Prêmio Santander de Empreendedorismo (2006), na categoria Indústria. Atualmente é doutorando em Engenharia Mecânica na UFU, com a pesquisa sobre a corrosão de cordões de solda em tanques de leite e formação de biofilme microbiano.

No Global Education and Skills Forum 2015, a educadora norte-americana Nancie Atwell foi anunciada como a vencedora dentre os 10 finalistas. Saiba mais sobre o Global Teacher Prize  em www.globalteacherprize.org/pt-pt/about

 

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2019. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal