Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

20/09/2018 - 11:17 - Atualizado em 20/09/2018 - 12:01
‘Mulheres em profissões predominantemente masculinas’ é tema de evento na UFU
Equipe da Psicologia promove encontros com profissionais e estudantes das engenharias, ciências exatas e tecnologia
por Autor: 
Elainy Carmona

 

(Foto: Pixabay)

 

O grupo de estudos “Realização Profissional, carreira e coaching” promove encontros para debater a inserção de mulheres em profissões predominantemente masculinas. Os encontros acontecem 22 e 29 de setembro, sendo o primeiro destinado a profissionais e o segundo a estudantes das áreas de engenharias, ciências exatas e tecnologia. Ambos acontecem na sala 28 do bloco 2C, prédio do Instituto de Psicologia no Campus Umuarama da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O objetivo é mapear os obstáculos mais comuns enfrentados pelas mulheres nos diferentes estágios de carreira. Para facilitar esse mapeamento, a organização optou por essa separação entre estudantes e profissionais. O grupo é coordenado pela professora Ligia Carolina Oliveira Silva e faz parte do projeto nominado de "Mulheres em profissões predominantemente masculinas: percepção de alcance de metas e barreiras na carreira”.  

Para Silva, espaços como esses são necessários “porque infelizmente, segundo as estatísticas de instituições como Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Cnpq), Organização das Nações Unidas (ONU) e Organização Internacional do Trabalho (OIT), as mulheres ainda são minoria nestas profissões, principalmente quando observados os cargos de liderança.”

Segundo o censo de educação superior de 2015, as mulheres que concluem cursos na área de ciência e tecnologia são 41%, enquanto especificadamente nas engenharias elas representam 29,3% do total. Sobre o mercado de trabalho, para a professora “as evidências indicam que nestes ambientes os estereótipos de gênero são mais fortes. As mulheres costumam ser preteridas diante das oportunidades de ascensão, têm seu desempenho avaliado de forma diferenciada por causa do gênero e também são constantemente vítimas de assédio.”

As mulheres que participarem dos encontros propostos terão inscrição garantida no workshop que será oferecido pelo mesmo grupo, em novembro, sobre “planejar a carreira e superar os obstáculos de ser mulher nestas áreas”. Para se inscrever nas rodas de conversa, basta entrar em contato pelos e-mails: vanessadinizp@hotmail.com ou ligiacarol1987@hotmail.com.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2020. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal